Resultado justo (Bruno Chumbinho – 22/11/10)

Um bom jogo de futebol. Assim pode ser definida a partida entre Delta e Staffa no clube Quintas de Nova Lima. O duelo foi equilibrado e o empate em um gol acabou sendo um resultado justo.

Os donos da casa começaram a todo vapor com o intuito de encurralar o Delta. Usando sua velocidade, os atacantes do Staffa levaram perigo ao gol Aurinegro. Aos poucos o Delta equilibrou o jogo e começou a criar boas chances. Foi quando, em uma falta da esquerda, Juliano escorou de cabeça e abriu o placar para time de Nova Lima.

O Delta não desanimou e continuou a criar oportunidades. Em uma delas Cazu fugiu pela direita e bateu cruzado com perigo. Depois foi a vez do chute de Yamagata acertar a trave após desvio da defesa.

O empate era uma questão de tempo. Em uma cobrança de bola parada na entrada da área Ricardo aproveitou o cruzamento e chutou, o goleiro deu rebote e na sobra Diógenes empurrou para as redes. O time Aurinegro seguiu mandando na partida até o final da primeira etapa, mas a defesa adversária estava atenta.

O Delta voltou para o segundo tempo determinado a virar o marcador. A equipe criou boas chances nos vinte primeiros minutos, mas não conseguiu alterar o placar. Os donos da casa esperavam para dar o bote.

Cansados, os Aurinegros tinham dificuldades para marcar e passaram a dar espaço para o Staffa que voltou a crescer na partida e por pouco não marcou o gol do triunfo: Juliano avançou e chutou cruzado levando muito perigo. Santiago acertou o travessão em uma cobrança de falta. O goleiro Aurinegro já havia feito uma defesa sensacional no chute do mesmo Santiago minutos antes.

Para alívio do Delta o juiz apitou pela última vez decretando o empate entre as duas equipes.