Delta começa 2009 com vitória (Bruno Chumbinho 09/02/09)

Um típico jogo de início de temporada. Assim pode ser descrita a primeira partida do Delta em 2009. O time, bastante modificado, não demonstrou o futebol que sua imensa torcida espera para este ano. Ainda assim, fez o suficiente para vencer por 4x3.

Delta e Barão FC jogaram no estádio do trevo de Honório Bicalho que apresentava um gramado muito irregular. Sob forte calor, as equipes começaram se estudando. Aos poucos o Aurinegro mostrou mais de organização e passou a criar chances de gol.

Aos 26 minutos Rodrigo abriu o placar após boa troca de passes. O Delta marcaria o segundo com Salsicha, escorando de cabeça o escanteio batido por Jean. No último minuto do primeiro tempo Zaneti bateu falta com perfeição para fechar o placar do primeiro tempo, 3x0 Delta.

Fazendo muitas alterações no intervalo, o Delta se perdeu no início do segundo tempo e sofreu dois gols em menos de dez minutos. O time do Barão cresceu e passou a dominar a partida. Os Aurinegros, acuados, tentavam sem sucesso jogar nos contra-ataques. Aos 28 minutos, em um lance isolado, Xará fez linda jogada individual e marcou um belo gol para o Delta.

Os Aurinegros não tiveram tempo para comemorar, pois logo em seguida a equipe verde e branca voltaria a encostar no placar. Os ânimos se acirraram nos minutos finais com provocações dos dois lados. O Delta se segurou e garantiu a primeira vitória do ano.


Com pouco futebol Delta vence a segunda em 2009 (Bruno Chumbinho 28/02/09)

O Delta ainda não apresentou em 2009 o futebol que sua torcida espera. Jogando no clube Minas Gerais, e contanto com três gols de bola parada, a equipe bateu o selecionado local por 5x4. Mais uma vez o jogo foi marcado por um baixo nível técnico e um calor escaldante.

O Minas Gerais começou dando a impressão que dificultaria o jogo mas a resistência da equipe local durou alguns poucos minutos. O Delta tomou conta do jogo e o primeiro gol saiu em uma cobrança de falta de Jean. Em seguida, em uma linda jogada, Brasil cruzou com perfeição para Kazu que aumentou de cabeça. Em mais uma cobrança de falta de Jean o Aurinegro chegou aos 3x0. O calor continuava castigando e os times já se poupavam no primeiro tempo.

Na volta do intervalo, o Delta marcou seu quarto gol, em uma assistência de Aurélio. Pedro Paulo que retornava ao Aurinegro depois de uma temporada nos Estados Unidos, tocou com calma na saída do goleiro. Logo em seguida a equipe local diminuiu em uma jogada em velocidade pela direita.

O jogo caminhava em ritmo bastante lento, e aproveitando da fragilidade da defesa adversária, o Delta marcou seu quinto gol na cobrança de pênalti com Brasil. Mas o Aurinegro quase conseguiu fazer aquilo que parecia impossível: complicar um jogo praticamente ganho. Com falhas em todos os setores o Delta cedeu três gols ao adversário que só não empatou devido suas próprias limitações.

O próximo compromisso do Delta é o clássico contra o Bica Juniors no próximo sábado no campo da Magnesita. A equipe vai precisar apresentar mais futebol se quiser vencer sua terceira partida em 2009.