Retrospectiva 2012 (Bruno Chumbinho, 31/12/12)

2012 vai deixar saudades. Nos últimos doze meses o Delta quebrou tabus, conquistou título e fez partidas memoráveis.

Um dos segredos do time foi manter a base do ano anterior. Jogadores como Patrick, Chumbinho, Flávio, Roberto, Rodrigo, Aurélio, Cazu e Jean estiveram presentes na maior parte dos jogos. O time sofreu baixas: Salsicha e Douglas no departamento médico, Ricardo com compromissos profissionais e Brasil em estranha transferência para o Bad Boys. Por outro lado, bons valores como Tasmo, Junior e Bruno chegaram e fortaleceram o elenco.

A temporada de 2012 começou com o Delta longe de sua casa (Honório Bicalho). As fortes chuvas de dezembro de 2011 alagaram os campos. O jeito foi partir para outros palcos. Logo no primeiro compromisso do ano (realizado 04 de fevereiro no Dom Orione) os Aurinegros enfrentaram um antigo algoz, o Bad Boys. A vitória por 2x1 pôs fim a uma sequência de derrotas frente ao adversário.

A equipe só voltou a Honório Bicalho no dia 1° de abril (vitória por 2x0 sobre o Tabajara). No jogo seguinte (empate com o Peñarol, 3x3) Bruno fez sua estreia com a camisa Aurinegra. O jogador foi a revelação do ano e tomou conta da lateral esquerda com autoridade.

A preparação para Copa Green, que começaria em abril, seguia forte. Mas o Delta seria tirado de cena pelos organizadores e não disputaria a competição. A diretoria Aurinegra agiu rápido e, em menos de um mês, o Super Torneo Apertura estava pronto. Um campeonato de 10 rodadas com equipes de alto nível.

O Delta teve momentos de instabilidade e passou por dificuldades no campeonato. Mas a equipe cresceu justamente no momento em que a classificação para as semifinais parecia ameaçada. Nas últimas três rodadas os Aurinegros venceram o líder Picaretas, empataram com o vice líder Buritis e ganharam do Manguaça Serrana por WO.

A classificação em terceiro pôs o Buritis United (segundo melhor colocado) como adversário da semifinal. O jogo foi uma batalha duríssima, mas os Aurinegros foram mais objetivos e venceram por 3x2. A final seria uma repetição do ano anterior. E, em outro grande jogo, o Delta superaria o Picaretas nos pênaltis após 1x1 no tempo normal.

O elenco teve férias de 20 dias e voltou a campo para disputar a Copa Domingão no Dom Orione. O Delta terminou a primeira fase de forma invicta e na liderança de seu grupo. Nas semifinais a equipe sofreu para arrancar o empate com o Engenhão. A vitória nos pênaltis colocaria o Delta em outra final. Infelizmente, após dominar o primeiro tempo e chutar quatro bolas na trave do adversário, os Aurinegros seriam derrotas e ficariam com o vice-campeonato.

Após a Copa Domingão o Delta realizou outros cinco amistosos. O último deles contra o União, um encontro do campeão da Copa Green e o Campeão do Super Torneo Apertura. Os Aurinegros aplicaram uma goleada histórica, quebraram mais um tabu e venceram o União por 8x0!

Outros fatos relevantes:

• A equipe de 2012 teve a menor média de gols sofridos da história do Delta.
• A equipe marcou em todos os seus jogos, fato somente conseguido em 2007.
• Aurélio foi o artilheiro da equipe com 12 gols, Christian marcou 9 e Jean 7.
• Nos 29 jogos disputados, Chumbinho esteve em campo em 27 partidas, Aurélio em 25, Patrick e Roberto em 23.